domingo, 27 de maio de 2012

Arnaldo Antunes, Edgard Scandurra e Toumani Diabaté - A Curva da Cintura (2011)

Instrumentista com senso de improvisação apurado, o artesão da música maliense Toumani Diabaté recebeu dois dos manufatureiros da música brasileira mais ativos dos últimos anos para sessões que renderam disco e documentário para a MTV. Arnaldo Antunes e Edgard Scandurra são velhos de guerra e numa delas, o festival Back 2Black de 2010, esbarraram com este africano que já gravou com Ali Farka Touré e Ry Cooder. A apresentação do trio naquele palco, após um ensaio apenas, acompanhados por Chico Salem e Jam da Silva, empolgou e abriu as portas para a confecção de um dos melhores álbuns do ano passado no estúdio de Diabaté no Mali.
A incrível fusão da Kora, que traz as particularidades rítmicas e melódicas da arte de Diabaté, com o rock e a poesia tão viscerais nas obras de Antunes e Scandurra, sugerem uma sonoridade instigante pela forma como os arranjos tradicionais se entrelaçam para formarem algo genuinamente novo. A Kora é um capítulo à parte. Instrumento produzido de forma artesanal por Diabaté e sua família, as vinte e uma cordas presas numa caixa de ressonância cuidadosamente talhada soam como a Harpa jamais sonhou. O instrumento é um símbolo de países como o Mali, Senegal e Burkina Faso a ponto de o próprio Diabaté presentear com um políticos estrangeiros quando visitam seu país.
As letras de Arnaldo Antunes estão tão inspiradas quanto no auge dos Titãs e de sua carreira solo. Em 'Um Senhor', 'Cara', 'Meu Cabelo' (adaptada da canção Elisa, de Serge Gainsbourg), a dupla mostra a afinação e a inspiração para versos memoráveis acompanhados das linhas de guitarra precisas de Scandurra. Diabaté é a cereja do bolo, sua Kora é a base melódica das 14 faixas mais os espetaculares bônus instrumentais.
A ponte África-Brasil nunca foi tão original.

FAIXAS:

1. A CURVA DA CINTURA (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
2. CARA (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
3. CORAÇÃO DE MÃE (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
4. MEU CABELO (Serge Gainsbourg / versão: Arnaldo Antunes)
5. GRÃO DE CHÃOS (Arnaldo Antunes / Liminha / Paulo Miklos)
6. CÊ NÃO VAI ME ACOMPANHAR (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
7. QUE ME CONTINUA (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
8. UM SENHOR (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
9. PSIU (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
10. SE VOCÊ (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
11. MUITO ALÉM (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
12. CÊ SABE COMO É (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
13. IR, MÃO (Arnaldo Antunes / Edgard Scandurra)
14. KAIRA (Toumani Diabaté / Arnaldo Antunes)
Bônus
RIO SECO (Toumani Diabaté)
NEBLINA DE AREIA (Edgard Scandurra)
YACINE (Toumani Diabaté)
BAMAKO'S BLUES (Edgard Scandurra)