sexta-feira, 16 de julho de 2010

The Black Keys - Brothers (2010)

Depois de mais de um mês de férias do "brog" volto com a carga máxima e a prova disso é o disco escolhido para a reestréia. O sexto disco dupla estadunidense Black Keys é arrebatador, mostra com quantos paus se faz uma canoa no rock/blues do século XXI e coloca o nome de Dan Auerbach entre os melhores letristas e guitarristas de seu tempo.
O álbum é recheado de referências à história do blues, principalmente a Howlin' Wolf, começando pela capa, uma homenagem clara ao disco do Grande Lobo de 1969. A segunda referência (reverência?) a Chester Burnett é a faixa 'Howlin' for you', que traz de volta todo o jeito peculiar do blues de paquerar um mulher e chorar as mágoas dos amores não correspondidos.
A faixa de abertura, 'Everlasting Light', mostra a levada com influências do Soul e do Hip-hop, resultados da experiência do baterista Patrick Carney, em seu projeto BlakRoc, durante o hiato da dupla em 2009. Auerbach também trouxe influências de seu disco solo, Keep It Hid, além de maturar toda a carreira da banda. 'Next Girl' faz o papel de preparar os tímpanos do ouvinte para duas pedradas que são 'Tighten Up', com o assovio marcante do vocalista, e a já citada 'Howlin' for you'.
Eu queria falar sobre cada faixa em separado mas como já está tarde (01:52) e o texto ficaria muito mais chato do que já está, prefiro apontar as faixas que vão ficar ecoando na sua cabeça com apenas uma audição, além das já comentadas. 'Black Mud', instrumental, densa e possivelmente uma referência ao negro Mud do Mississippi, pai do blues de Chicago, que todo mundo conhece. 'Too Afraid To Love You' e 'Ten Cent Pistol' formam outra sequência interessante no álbum, com andamentos lentos, para o padrão da banda, e a temática de medo do amor e pistolas de dez centavos encaixando-se muito bem.
O final do álbum começa a se desenhar com 'Never Gonna Give You Up' que bebe na fonte do R&B dos anos 60 e ajuda a mostrar o leque aberto pela dupla bem de baixo do nariz do feliz ouvinte que comprou o disco. Falando nisso, o meu acetato dessa papita está em algum ponto do planeta a caminho da minha residência, depois tenho que acertar as contas com the mama & the papa.

Formação:
Dan Auerbach - vocalista e guitarrista
Patrick Carney - baterista
Faixas:
01. Everlasting Thing
02. Next Girl
03. Tighten Up
04. Howlin' For You
05. She's Long Gone
06. Black Mud
07. The Only One
08. Too Afraid To Love You
09. Ten Cent Pistol
10. Sinister Kid
11. The Go Better
12. I'm Not The One
13. Unknown Brother
14. Never Gonna Give You Up
15. These Days




Nenhum comentário: