sábado, 17 de outubro de 2009

Wolfmother - Wolfmother (2005)

Lançado em 2005, na Austrália, o álbum de estréia da banda chegou às prateleiras internacionais apenas em 2006, com uma faixa a mais, "Love Train". Como um power-trio dos anos 60, tocando o hard-rock caractrístico dos anos 70, a banda australiana não traz nenhuma inovação ao estilo mas é, certamente, uma boa pedida aos fãs de rock que estão sempre à espera de alguma novidade interessante.
Formado em 2000, a banda vinha "tocando por aí no anonimato", segundo seus integrantes. Em 2005 apenas, veio a chance de gravar um disco. Quando finalizado, o disco emplacou vários 'hits' nas rádios das principais cidades da Austrália. Além de ter sido o álbum australiano do ano e ter chegado por 5 vezes ao disco de platina.
A comparação com bandas como Led Zeppelin, Black Sabbath e Blue Cheer é inevitável. Melhor tocar bem a ser original, talvez pensem os integrantes da banda, mas originalidade nos dias de hoje é fundamental. Para mim, uma banda formada hoje em dia tocar como eles tocam e fazer sucesso é uma tremenda surpresa e das mais agradáveis.
Apesar do reconhecimento, a banda praticamente se dissolveu no final do ano passado, restando apenas o guitarrista e vocalista Andrew Stockdawle. O baixista Chris Ross e o baterista Myles Heskett deixaram a banda e isso provavelmente vai afetar consideravelmente o som da banda. No início de 2009, Stockdawle recrutou mais três músicos e vão lançar no fim desse mês o segundo álbum da banda, "Cosmic Egg", onde poderemos ver o quão diferente a banda irá se mostrar.

Faixas:

"Dimension" – 4:21
"White Unicorn" – 5:04
"Woman" – 2:56
"Where Eagles Have Been" – 5:33
"Apple Tree" – 3:30
"Joker & the Thief" – 4:40
"Colossal" – 5:04
"Mind's Eye" – 4:54
"Pyramid" – 4:28
"Witchcraft" – 3:25
"Tales" – 3:39
"Love Train" – 3:03
"Vagabond" – 3:50
(versão internacional)
Membros:

Wolfmother - Wolfmother

Nenhum comentário: