sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Martinho da Vila - Maravilha de Cenário (1975)



Neste disco de 75, apenas pela interpretação da primeira faixa Martinho da Vila já merecia um lugar ao lado de Noel Rosa, naquela mesinha bem na entrada do bairro de Vila Isabel. Se não conhece, clique aqui.
"Aquerela Brasileira", de Silas de Oliveira, é uma letra digna de um dos maiores sambistas do país, não tem quem não se contagie com o ritmo e a letra dessa música, até os hermanitos argentinos, que tem uma queda forte pela nossa música ficam todos cerilépes escutando essa maravilha.
O restante do disco descorre de forma serena e tranquila, com destaque para a faixa "Maré Mansa", parceria com Paulinho da Viola (dois grandes Vascaínos juntos); e "Lá Na Roça" música de Candeia.

1
Aquarela brasileira
(Silas de Oliveira)
2
Você não passa de uma mulher
(Martinho da Vila)
3
Tempo de menino
(Edgar Ferreira)
4
Andando de banda
(Sergio Cabral - Rildo Hora)
5
Lá na roça (Mês de Maria)
(Alvarenga - Candeia)
6
Maré mansa
(Paulinho da Viola - Martinho da Vila)
7
Salve a mulatada brasileira
(Martinho da Vila)
8
Verdade verdadeira
(Martinho da Vila)
9
Cresci no morro
(Martinho da Vila)
10
Hino dos Batutas de São José
(João Santiago)
Participação: Orquestra Tabajara
11
Se algum dia
(Martinho da Vila)
12
Glórias gaúchas
(Martinho da Vila)



MArtinho da Vila - Maravilha de Cenário

Nenhum comentário: